Minas Gerais: Cabeça de Boi - Itambé do Mato Dentro, por Monica Gralha!

Olá! Fui convidada pela Jéssika, uma das minhas melhores amigas da vida para escrever um post aqui no blog dessas lindas sobre o lugar que eu conheci/visitei que mais gostei (missão um tanto difícil, eu respondi rs). Eu, como a Jéssika e a Thais, amo viajar, acampar, me embrenhar no mato, pular no mar e viver o momento, mas com baixo custo e programação. Tenho um perfil no instagram onde compartilho as minhas viagens, com muito camping, pousada e casa alugada dividida com os amigos duros de grana, trabalhamos com a realidade e com a vontade de viajar, desse jeito, conseguimos uns rolês bem bons por lugares maravilhosos e poucos explorados, como esse que vou contar hoje...


  • Cabeça de Boi, Itambé do Mato Dentro - Minas Gerais


Essa foi a 2ª vez que acampei na vida, há dois anos atrás... Fui com um grupo de amigos que queriam fugir de lugares cheios na virada do ano, quem achou foi um desses meus amigos pesquisando alguns lugares e chegamos ao instagram da única pousada do lugar. Me lembro do nosso medo de ser uma furada pois, ao procurarmos fotos do lugar, só achavamos fotos das cachoeiras incríveis e nada mais, os relatos eram poucos, como chegar e onde ficar. Saímos do Rio dia 28 de dezembro de 2015, de madrugada, nove pessoas em dois carros (de passeio, dois carros de passeio, gravem isso). Levamos, ao todo, nove horas até Belo Horizonte e mais duas horas até Cabeça de Boi, mas para chegar lá, é preciso passar pela Estrada Real, vai parecer que não chegará nunca, que o lugar não existe.

Itambé do Mato dentro é uma cidade e Cabeça de Boi um distrito com mais ou menos 200 habitantes (isso na época), mas de repente, você chega numa praça, algumas casas à esquerda, uma vendinha e uma igreja ao fundo e bem-vindo à Cabeça de Boi!


O camping não era um camping, o rapaz que deu as informações havia dito “Não é camping, na verdade, é um terreno atrás da igrejinha que o padre cede” ele disse a verdade, só esqueceu de dizer que o terreno atrás da igreja tinha a vista mais linda da Serra do Cipó. O camping foi bem "raíz", não tinha cozinha (levamos fogareiro e utensílios de cozinha), banheiro com água quente (só não pode abrir dois chuveiros ao mesmo tempo, pois queima e agua é congelante).

Lembra que eu falei do carro de passeio? Então, evite! A estrada para chegar em Cabeça de Boi é barro e cheia de ladeira e, se chover, você acaba ficando pelo caminho. Resumo da nossa aventura motorizada: Dois carros de passeio, nove pessoas, um carro entrou água logo no primeiro dia, essas nove pessoas num fiat uno com espirito 4x4. Foi irado! Não recomendo, mas foi irado!


Para conhecer as cachoeiras, é necessário chegar de carro, andando até é possível se você gosta de andar/subir muitas ladeiras... Cabeça de Boi é conhecida por suas cachoeiras maravilhosas e de tempo em tempo os moradores descobrem outra. As mais famosas são: Cachoeira da Maça, Cachoeira da Serenata, Cachoeira do Intancado, Cachoeira da Vitória e Lajeado.

Pagamos R$15,00 a diária do camping e como dividimos gasolina comida e mais, essa trip saiu pelos 4 dias, no total de R$300,00. Guardo esse lugar no coração e desejo muito voltar... Inclusive, estive pertinho de lá esse ano, na Serra dos Alves, apenas uma hora de distância, outro lugar maravilhoso. Eu amo Minas! Canso de escrever isso no meu instagram mas quando conto para os meus amigos mineiros, a maioria nunca escutou falar sobre!


A vida em Cabeça de Boi funciona de forma única, do jeito dela, sem pressa ou vontade de mudar para se tornar mais moderna. As pessoas são boas, simples e amáveis. Gosto de lugares que reconectam e trazem paz.

Espero ter contato um pouquinho sobre um dos lugares que mais amei conhecer e me encontrei. Essa e outras aventuras, vocês podem acompanhar no meu perfil: @gralhatrip




Um comentário:

  1. Acho que o maximo que cheguei perto da experiencia de acampar, era quando iamos passar a semana santa num sitiozinho no meio do nada. Mas tenho certeza que nem se compara com essa tua viagem. Parabens! Deve ter sido uma experiencia incrivel.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.