Onde ficar no Deserto do Atacama? Nosso hostel e dicas


A hospedagem em San Pedro de Atacama geralmente é bem cara, ainda mais se formos comparar a outras cidades que visitamos, porém demos muita sorte arriscando ficar em um hostel um pouco mais distante da rua principal, a Caracoles.

A maioria dos hostels, se encontram nas proximidades dessa rua principal, onde estão os bares e restaurantes, é legal ficar neles devido a comodidade, ja que está perto de onde tudo acontece e próximo as agências de turismo.

Nosso roteiro era de 8 dias por lá, sendo assim, decidimos procurar o lugar mais em conta possível e, graças a essa economia, encontramos o lugar mais encantador que poderíamos ter ficado, a nossa casinha por 8 dias.

Leia mais: Nosso roteiro de 8 dias no Atacama.


NOSSO HOSTEL | Com antecedência de uns 2 meses, fizemos a reserva no Hostal Paso Los Toros, que está localizado há uns 10 minutos caminhando pela Toconao, até chegar na Caracoles.

Esse lugar nos surpreendeu muito, logo no primeiro dia fomos recebidas pela maravilhosa Maria Fernanda, uma colombiana super simpática que nos mostrou todo o lugar com muita gentileza e alegria, e mais tarde virou nossa amiga, daquelas de correr depois do tour e contar como foi o dia.

O Paso los Toros trabalha com sistema de voluntários. O que é isso? Pessoas, em sua maioria jovens, que viajam o mundo como voluntários nos hostels em troca de hospedagem, por esse motivo, acreditamos que os funcionários serão sempre empolgados e animados pois estão viajando e conhecendo o mundo. Aliás, fica a dica, se tiverem interesse de ir a San Pedro usando esse sistema, entrem em contato com eles.

Além de Maria Fernanda, também tinham mais dois voluntários, James e Danae. James prestativo e fofo sempre, Danae responsável e atenciosa, além de praticante de esportes radicais. Essas pessoas simples e de bom coração fizeram nossa viagem ainda mais mágica, não teria sido tão perfeito sem eles. No dia 7, meu aniversário, recebi uma surpresa feita por eles e cantamos parabéns na fogueira com alguns hóspedes. Hoje os três fazem parte da nossa história e temos um carinho imenso, até esperamos a visita deles no RJ.


O LUGAR | O hostel é bem simples, como a maiora dos hostels de San Pedro, mas achamos super jeitoso e a nossa cara, quase tudo é feito de pallet, caixotes, garrafas de vidro e outros matérias recicláveis. A separação dos quartos é por esteira ao invés de paredes, o que nos transmitiu uma segurança bem grande pois qualquer problema, pessoas dos quartos vizinhos iriam escutar, e quarto compartilhado era nosso maior medo pois nunca nos hospedamos dessa forma.

O hostel disponibiliza uma cozinha 24h, com toda infraestrutura necessária, desde panelas e canecas, até óleo, azeite, sal, café e açúcar... A única regra é óbvia, lavar a louça! Às 23h30, as luzes devem ser apagadas, mas o hostel disponibiliza uma varanda no lado de fora com fogueira para quem quiser socializar.


Não tivemos nenhum problema com as outras promessas do lugar, são dois chuveiros de água quente, dois lavabos, wifi, área para estender roupas, lavanderia (por um preço a parte), sala de tv e recepção 24h disposta a nos ajudar em tudo.


VALORES E QUARTOS | Pagamos US$12 na diária em plena primeira semana de agosto, alta temporada.

Todos os quartos são compartilhados e você pode dormir em cama de solteiro ou beliche, eles te dão total liberdade de escolher. Além das camas, você ganha um baú para guardar suas coisas e trancar com cadeado, mas lá é muito tranquilo, dormíamos com celular e gopro carregando e despreocupadas.


Endereço: Ckilapana 688-B, San Pedro de Atacama.
Faça sua reserva pelo Booking.com

OUTRAS OPÇÕES | Fizemos uma pequena pesquisa entre os brasileiros que conhecemos na viagem e organizamos uma lista de hospedagens onde eles ficaram e indicam.

Tambo Norte "Muito bom! Confortável, tranquilo e limpinho, porém um pouco distante do centro mas perto da rodoviária."

Pangea "Bem localizado, limpinho, café da manhã bom. Decoracão bonitinha, tocava música o dia todo e, nos finais de semana, o pessoal fazia fogueira a noite para integrar a galera."

Aji Verde "Galera maneira, bastante integração e ótimo para quem viaja sozinho, mas beeeeem roots, bem mochileiro mesmo."

Éden Atacameno (Este hostel foi indicado pela nossa agência, passamos por ele e acreditamos parecer bom sim)

Leia mais: Nossa experiência no Atacama e a agência que fechamos os passeios.

6 comentários:

  1. Eu sou louca pra viajar pro Atacama mas nunca nem procurei nada sobre haha a diária ta com preço bom mesmo e o lugar parece ser bem acolhedor arrasaram!

    ResponderExcluir
  2. Que lugar acolhedor, e parece ser muito tranquilo. E o preço da diária ta ótimo.
    Amei as fotos e o post.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Sinto muita vontade de viajar, mais nunca tenho oportunidade, espero um poder ❤ esse lugar parece bem aconchegante , abraços 😘

    ResponderExcluir
  4. Muito legal
    parece ser um lugar bem
    tranquilo
    eu amo lugares tranquilo

    ResponderExcluir
  5. mulher mais que lugar gostoso para ir conhecer e ficar hospedado bem aconchegante adorei nao conhecia adorei o preço tambem achei bem em conta em fim amei tudo rs
    BLOG♥ Coisas da Vida

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem? Meu sonho é viajar para o Atacama, deve ser maravilhoso. Achei a hospedagem muito aconchegante e o preço está bom, né? Dá pra economizar bastante e se divertir muito.

    Beijos. ♥

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.